Mais de 70 funcionárias foram ontem surpreendidas com o fecho de uma fábrica têxtil em Oliveira de Azeméis. As trabalhadoras foram despedidas, mas garantem que não faltava trabalho. O sindicato rev...

A FNAC proibiu o sindicato de acompanhar o processo de votação do referendo para a implementação do banco de horas grupal, que iniciou hoje. Ontem, a FNAC comunicou ao sindicato que está “interdito...

A empresa de confecção Prisma Paraíso, em Oliveira de Azeméis, surpreendeu, ontem, 70 trabalhadores com um despedimento colectivo, alegando insolvência, mas, segundo fonte sindical, já tem fábrica ...

O Sindicato realizará a acção junto dos clientes e da população, em protesto contra a aplicação do banco de horas, e em luta pelo aumento dos salários e pela negociação do contrato colectivo de tra...

Mais artigos...